Diagrama de Pareto: Conceito, como Fazer e Para que Serve

O diagrama de Pareto é uma ferramenta da qualidade criada pelo italiano Vilfredo Pareto (1848-1923), que nos demonstra que a maior parte dos problemas provêm de poucas, porém vitais, causas.

A partir desse pensamento a ideia geral de Pareto é que 80% de todos os problemas são provenientes de apenas 20% dos tipos de problemas encontrados. Outra variante desta regra estabelece que para qualquer problema, 80% das suas ocorrências são devido a apenas 20% de todas as causas. Essa regra é conhecida como 80/20.

Pareto

Para a aplicação do diagrama temos que seguir algumas etapas, como mostraremos abaixo:

1a Etapa: Descobrir o número de ocorrência geradoras de problemas e suas intensidades, no caso uma empresa que fabrica e entrega produtos para lojas de varejo e tem como problema a devolução de produtos:

Pareto

 

2 a Etapa: Ordenar os valores por ordem decrescente:

Pareto

 

3 a Etapa: Acrescentar mais uma coluna indicando os valores acumulados. Para criar essa coluna é feita uma soma entre o número de ocorrências de uma razão mais as ocorrências da razão anterior.

Pareto

 

4 a Etapa: Adicionar uma coluna na tabela com os valores percentuais de cada razão. Para realizar o cálculo se divide o número de ocorrências de uma determinada razão pelo total de ocorrências no período, como podemos ver abaixo:

Pareto

 

5a Etapa: Adicione estes percentuais em uma última coluna. Para isso, basta somar o percentual de ocorrência de cada razão ao percentual de ocorrência da razão anterior.

Pareto

 

6a Etapa: Agora podemos criar o gráfico de Pareto, para isso precisamos adicionar as razões no eixo “X” do gráfico, no eixo “Y” do lado esquerdo colocamos os números de ocorrências e do lado direito porcentagem acumulada de 0 a 100%.

Para preencher o gráfico fazemos da seguinte maneira: Atraso na Entrega criamos uma barra de 140 (número de ocorrências) e traçamos um ponto em 28% tendo como referência o lado direito do eixo “Y”, Atraso da transportadora criamos uma barra de 125 (número de ocorrências) e traçamos um ponto em 53% (percentual acumulado) tendo como referência o lado direito do eixo “Y”, etc. Depois desenhamos uma linha entre os pontos de referências de porcentual, como podemos ver abaixo:

Gráfico Pareto

 

Após tudo isso podemos entender que os dois principais problemas (atraso na entrega e atraso da transportadora) resultam em 53% dos problemas, então mais da metade dos problemas resultam de apenas 2 problemas de 8.

Caso tenha ficado alguma dúvida deixamos a seguinte vídeo aula para maior entendimento do aluno:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *